Hoje, 9 de novembro de 2016, vimos que pela décima nona vez, os EUA elegeu um governante do Partido Republicano, Donald Trump.

Com certeza os Simpsons já sabiam disso…

 

trump-simpsons-vem-ca-vamo-conversar

 

Iniciado em 1854 em Jackson – Michigan (USA), pelos Abolicionistas – grupo que visava o fim da escravidão -, o Partido tem como base o Conservadorismo, que prega que o tradicionalismo, deve ser realizado em toda sua mudança histórica. Não acreditando na bondade humana, para eles somente os hábitos e tradições podem permitir o funcionamento duradouro e estável de uma sociedade, tornando-se em uma política individualista. 

Algo que se torna muito curioso e contraditório, é o fato de tudo ter começado com o desejo da quebra de uma tradição, a escravidão. O que me faz acreditar que realmente, existe um jogo de interesses, ou seja, política.

George W. Bush foi o último republicano a governar.

Alas

É um partido divido em alas:

Direita Cristã = composta por eleitores protestantes, católicos conservadores, judeus ortodóxicos e mórmons. Há uma manipulação em relação a esses eleitores muito grande quando o político é contra aborto, eutanásia e homossexualismo.

Conservadores Sociais = muito parecido com a Direita Cristã. Seus eleitores são a favor dos valores morais e da família tradicional, mas não necessariamente são religiosos e costumam agir independentes de suas crenças.

Conservadores Fiscais = ala que defende o direito da propriedade privada, redução/corte dos impostos, privatizações e fim de programas sociais. São contra causas polêmicos sociais e defendem o porte de arma legalizado. Não necessariamente cristãos, assemelham-se aos Conservadores Sociais.

Neoconservadores = apoiam a política intervencionista com ações militares em todos os países onde os EUA tem interesses que possam ser ameaçados. Defensores da Guerra do Iraque (2003/2011).

Moderados = seus eleitores não se preocupam com o fator religioso. Defendem o fim da pena de morte e o porte ilegal de armas, são a favor da legalização da maconha e alguns programas sociais.

Liberais = apoiam a existência de um estado maior e participativo na economia, defendem os programas sociais, aumento de alguns impostos e são bem tolerantes as causas sociais, como o aborto. Em sua maioria, não são religiosos.

Libertários = favoráveis as reduções de impostos e ao aumento das privatizações, defendem a liberdade do indivíduo. Em sua maioria também, não são religiosos.

No geral, seus eleitores são homens e de classe alta, empresários, setores vinculados a indústrias e militares. A maioria se encontram nos estados onde há maior números de religiosos e conservadores. 

Seu maior rival é o Partido Democrata, que por sua vez costuma ser tradicionalmente apoiado pelos trabalhadores, sindicatos, assalariados, pela maioria das profissões intelectuais, como professores, jornalistas, artistas e por minoria em etnias afro-americanos, hispânicos e religiosas sendo católicos e judeus. 

Seu último governante está sendo Barack Obama.

Símbolo 

O símbolo que representa o Partido Republicano foi criado em 1874, pelo cartunista Thomas Nast, que quis retratar o partido como um elefante, pois, na visão democrata, o animal representava pomposidade, arrogância e bobeira. Os republicanos não se atingiram e decidiram adotar o animal, dizendo que ele é forte e digno, como seu partido.

democrats-vs-republicans-vem-ca-vamo-conversar
Elefante, símbolo republicano vs o Burro, símbolo democrata.


Presidentes Republicanos

Abraham Lincoln – 1861-1865

Ulysses S. Grant – 1869-1877

Rutherford B. Hayes – 1877-1881

James A. Garfield – 1881 (????)

Chester A. Arthur – 1881-1885

Benjamin Harrison – 1889-1893

William McKinley – 1897-1901

Theodore Roosevelt – 1901-1909

William Howard Taft – 1909-1913

Warren G. Harding – 1921-1923

Calvin Coolidge – 1923-1929

Herbert Hoover – 1929-1933

Dwight D. Eisenhower – 1953-1961

Richard Nixon – 1969-1974

Gerald Ford – 1974-1977

Ronald Reagan – 1981-1989

George H. W. Bush – 1989-1993

George W. Bush – 2001 – 2009

Donald Trump – 2017…

Então, o post de hoje foi para esclarecer um pouquinho a mente de quem é mais leigo em relação à política norte-americana. Gostou?  O que você acha em relação ao novo governante dos States? Vem cá, me conta!

 

Anúncios